Sala de Imprensa

Estudo da Return Path revela que 67% das campanhas de e-mail marketing brasileiras chegam à caixa de entrada

São Paulo, 6 de fevereiro de 2013 – A Return Path (http://br.returnpath.com), líder global em email intelligence, divulgou, nesta quarta-feira (06/02), os resultados de seu mais recente Estudo de Email Intelligence, que apesar de apontar crescimento na taxa de entregabilidade no Brasil, identifica queda nas taxas de leitura dos emails. Atualmente, 67% dos emails brasileiros chegam à caixa de entrada, 17% caem na caixa de spam e 16% são perdidas ou bloqueadas.

Na América Latina, a taxa de entrega em caixa de entrada é de 72%, enquanto o spam fica em 10% e mensagens bloqueadas ou perdidas somam 18%. Nos Estados Unidos, esses valores são 88%, 6% e 6%, respectivamente.

“Os números mostram que existe uma grande oportunidade para o profissional de marketing brasileiro aprimorar suas práticas de envio, melhorar as taxas de entrega na caixa de entrada e, consequentemente, aumentar o retorno de suas campanhas. Estamos trabalhando em parceria com empresas que enviam grandes volumes de emails, ESPs e provedores para fortalecer o ecossistema brasileiro de email e melhorar cada vez mais estes números”, ressalta Louis Bucciarelli, country manager da Return Path no Brasil.

“As empresas parceiras da Return Path já percebem a melhoria em suas métricas de desempenho e, devido à sua representatividade, acabam impulsionando os números do próprio mercado, bem como a cultura de usar inteligência em suas estratégias de email marketing”, acrescenta ele.

Métricas de engajamento, por setor de indústria

Na categoria de compras, por exemplo, as quedas na taxa de leitura dos emails chegaram a 15% no quarto trimestre de 2012, em comparação com o mesmo período de 2011.

Outros setores tiveram quedas significativas na taxa de leitura, no acumulativo dos trimestres, incluindo redes sociais, provedores de notícias e remetentes relacionados a viagens e empregos. No entanto, nem todos os remetentes oscilaram no quarto trimestre de 2012: os 100 maiores varejistas da internet aproveitaram bem mais o engajamento de assinantes, em comparação com o long tail, e também tiveram maiores taxas de entrega na caixa de entrada, com apenas 6% de suas mensagens não alcançando o inbox de seus assinantes. A média norte americana triplicou essa taxa, com 18% das mensagens não chegando às caixas de entradas.

Profissionais de marketing das áreas de finanças, negócios e imobiliárias foram os que tiveram melhores desempenhos no quarto trimestre. A entrega na pasta de spam caiu ano a ano para esses remetentes, enquanto assinantes leram uma porcentagem maior de suas mensagens, o que melhorou suas métricas gerais de engajamento.

Métricas trimestrais de engajamento também ajudaram a explicar os resultados de uma das campanhas de email mais estudadas nos últimos tempos: o esforço para captação de recursos para a campanha presidencial americana em 2012. Todos os indicadores chave de engajamento de assinantes colocaram a campanha de Romney muito atrás da do presidente Obama.

Emails com ofertas de percentagem de desconto possuem maior aceitação dos leitores

Como parte do estudo, a Return Path também comparou o desempenho de linhas de assunto em emails de varejistas oferecendo frete grátis, valor de desconto (“economize US$10 em sua próxima compra”), porcentagem de desconto (“30% em vestuário”) ou uma combinação desses temas. As mensagens com “porcentagem de desconto” tiveram uma ligeira vantagem sobre as outras, alcançando uma taxa de leitura de 14% entre os 100 maiores varejistas da internet, contra 12% dos outros. Mais uma vez, esses varejistas geralmente superam os outros.

“Como o tempo de atenção do consumidor atual é limitado e a competição para conquistá-la é grande, tem se tornado extremamente importante que as marcas se adaptem para customizar suas mensagens e conseguir o maior ROI no canal de emails”, diz Matt Blumberg, CEO da Return Path. “Esses dados mostram uma clara oportunidade para que profissionais de marketing utilizem análises e obtenham inteligência sobre quais táticas funcionam melhor com assinantes, enquanto também mostram o quanto o engajamento depende da construção de fortes marcas e de reputação”.

O estudo também mostra que consumidores continuam a abrir mais emails – até mesmo todos os emails – em dispositivos móveis, ressaltando a necessidade de profissionais de marketing implementarem uma estratégia de email voltada para o mobile. A abertura de emails em dispositivos móveis alcança maiores índices nos finais de semana, com taxas de abertura superiores a 50% para os 100 maiores varejistas da internet.

O estudo completo, incluindo infográficos, pode ser baixado aqui.

Metodologia
Os dados deste estudo foram extraídos do sistema de análise de performance de email da Return Path e seu produto Inbox Insight, que agrega dados de interação real de 2,2 milhões de usuários com emails, o que compõe uma amostra representativa da população consumidora dos EUA. Referências aos 100 maiores varejistas da internet são baseadas no mais recente guia Internet Retailer Top 500 Guide, um ranking de comerciantes dos EUA e Canadá com base em vendas anuais on-line. Para mais detalhes sobre a metodologia, veja o relatório completo

Sobre a Return Path
A Return Path é líder mundial em Email Intelligence. Um de seus diferenciais se concentra na análise de informações a respeito de emails, com um volume muito maior do que qualquer outra empresa no mundo. Os dados recolhidos são utilizados para dar força aos produtos da Return Path, garantindo que somente os emails que os destinatários desejam receber cheguem à caixa de entrada.

Através de relações de confiança por todo ecossistema de email, as soluções da empresa maximizam o desempenho e a responsabilidade de cada email, além de proteger os usuários contra spams e outros abusos. Como consequência, ela ajuda a construir melhores relacionamentos com seus clientes e a aumentar seu ROI e, ao mesmo tempo, dar suporte aos ISPs e outros provedores de serviços de email para aumentar o desempenho das redes e incrementar a retenção de clientes.

MAIS INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA
FirstCom Comunicação (www.firstcom.com.br)
Luis Claudio Allan (luisclaudio@firstcom.com.br)
Marcos Viesti (marcos@firstcom.com.br)
Alexandre Saldanha (alexandre@firstcom.com.br)
Tel.: (11) 3034-4662

Your browser is out of date.
For a better Return Path experience, click a link below to get the latest version.