Blog

Microsoft facilita a marcação de E-mails como lixo eletrônico

George Bilbrey | 22 janeiro, 2018

Microsoft recentemente mudou a forma como são calculadas as taxas de reclamações de seus usuários de e-mail. Como resultado, alguns remetentes podem ver um aumento nas taxas de reclamação, o que pode causar problemas de entrega, resultando em mais e-mails chegando à pasta de lixo.

As reclamações são comumente baseadas no botão “isto é spam” ou “relatório de lixo” nas interfaces de webmail. Os provedores de e-mail dividirão o total de reclamações pela quantidade total de e-mails entregues na caixa de entrada para calcular a “taxa de reclamações”. Mas recentemente, a Microsoft também começou a contar mensagens movidas para a pasta de lixo como uma reclamação. Isso acontece em todas as propriedades do Microsoft Webmail, aplicativos para dispositivos móveis e e-mails acessados ​​via IMAP (ou seja, os e-mails da Microsoft movidos para a pasta de spam no iOS Mail gerarão uma reclamação).

Por um lado, esta é uma ótima notícia. Os usuários de e-mail móvel da Microsoft e os usuários de e-mail que usam clientes de e-mail que não são da Microsoft agora têm uma maneira de informar o e-mail como lixo sem a necessidade de um botão nativo de “relatório de lixo”. Esta é também uma boa notícia para os profissionais de e-mail, pois fornece uma maneira mais fácil para as pessoas optarem por excluir os e-mails, especialmente para os leitores móveis, garantindo que os profissionais de Marketing possam manter listas de e-mail limpas, com assinantes que desejam receber suas mensagens. Manter uma lista de assinantes engajados é fundamental para que seu e-mail seja entregue à caixa de entrada.

No entanto, os profissionais de Marketing podem ver um aumento na quantidade de reclamações e, como resultado, uma diminuição temporária nas taxas de entrega em caixa de entrada. Os profissionais de Marketing inscritos no Programa de Relatórios de Lixo Eletrônico da Microsoft (JMRP) receberão um relatório da FBL quando os assinantes moverem suas mensagens para a pasta de lixo. Se você não está inscrito no JMRP da Microsoft, você deve se inscrever o mais rápido possível. Com o passar do tempo, os remetentes devem ver suas taxas de reclamação retornarem ao normal, pois os endereços de e-mail são cancelados por meio do uso da JMRP. Se as reclamações dos assinantes continuam a ser um problema, os remetentes podem consultar o nosso e-book, Guia sobre reclamações de assinantes (em inglês), para obter informações sobre a redução geral de reclamações.

Percebemos que a mudança também coincidiu com o limite de reclamação aceitável para a Certificação Return Path para a Microsoft. Em dezembro de 2017, reduzimos o limiar de reclamações de 0,4% para 0,2%. Estamos acompanhando de perto o impacto nos clientes de Certificação e faremos alterações adicionais ao limiar de reclamações aceitável, se necessário.

Your browser is out of date.
For a better Return Path experience, click a link below to get the latest version.